Monday, June 25, 2007

Olavúnculo ocupa a FAPESP

O sempre-pronto-a-ser-útil Olavúnculo reclamou de uma pesquisa da FAPESP sobre o uso de ecstasy que pretendia estudar políticas de contenção de danos, isto é, já que os caras vão usar, mesmo, vamos ver se eles usam de maneira menos perigosa para a saúde. Olavúnculo, que odeia a farmacologia por ainda não ter inventado uma droga que ensine a escrever bem, protestou, esculhambou a FAPESP, depois desesculhambou quando lembrou que quem manda na FAPESP é o Serra, enfim, exibiu seus dotes usuais de concatenação discursiva. Detalhes no Hermenauta, que por algum motivo tem paciência para ler o sujeito.

Mas agora é que fica sério: segundo O Biscoito Fino e a Massa, a FAPESP cortou a grana da pesquisa por causa da polêmica! Ora, de duas, uma: ou a pesquisa era besteira, e aí era o caso dos pareceristas da FAPESP (tradicionalmente ótimos) recusarem o projeto, ou negarem a renovação no momento apropriado (se for uma pesquisa de pós, a análise do relatório parcial). Se não for o caso, o projeto não pode ser cortado porque o Olavúnculo mandou, não apenas porque, como qualquer um dotado de um mínimo de bom senso há de admitir, não se pode aceitar que o Olavúnculo influa no que quer que seja, mas também porque, mesmo se o Olavúnculo fosse um jornalista sério, não é a imprensa que deve dar a pauta da pesquisa científica.

Pode-se discutir até que ponto os decretos do Serra feriam a autonomia universitária. Mas que aqui aconteceu um caso da mais chulé interferência política na pesquisa acadêmica, não resta dúvida.

CORREÇÃO: Do além, o falecido Dr. ABC me informa que a matéria original não é do Olavúnculo, mas sim do portal G1. Continua sendo ruim a imprensa ditar a pauta da pesquisa, mas, de algum modo, é menos pior. Seria ruim se a pauta fosse ditada por jogadores de futebol, mas seria melhor se fosse ditada pelo Zico do que se fosse ditada pelo Nunes.

1 comment:

Pictor said...

Olavúnculo rima com carbúnculo e tem cara de furúnculo! Carbúnculo, como todos sabem, é o nome olávico do Anthrax. Porque anthrax é trés chic mas ODC é o ó.